Visita de Vice-Primeiro Ministro e Ministro das Finanças de Cabo Verde à Pró-Capital

Visita de VPMMF à Pró-Capital, mais uma importante instituição pública que atua no ecossistema de promoção empresarial.

Visita, esta manhã, à Pró-Capital, mais uma importante instituição pública que atua no ecossistema de promoção empresarial.

Com pouco mais de um ano a operar, a Pró-Capital tem vindo a centrar a sua estratégia numa estreita colaboração com os diferentes agentes públicos e privados do Ecossistema de Financiamento à Economia, por forma a explorar sinergias existentes no âmbito das plataformas económicas do Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável (PEDS). Tudo isso, num quadro de articulação com as demais instituições públicas, Pró-Empresa e Pró-Garante.

Neste momento, a Pró Capital tem em carteira 18 projetos com perspetiva de criação de 232 empregos diretos, e que representam um investimento potencial de cerca de 1.284.331.000 CVE (um milhão e trezentos mil contos). Projetos esses de vários setores de atividades económica - turismo e restauração, agro-negócio, economia marítima, energias renováveis, tecnologia, saúde e indústria – abarcando quase todas as ilhas do país.

Temos que continuar a fazer muito mais, para termos impacto na economia do país. Neste sentido, temos de ter escala, volume e caudal. Ter um plano de atuação numa perspetiva mais abrangente em relação aos setores, um plano ambicioso, para podermos fazer a diferença.

Nesta fase de recuperação económica a Pró-Capital pode ter um papel muito importante. Continuando a garantir um sistema que possibilite que, o acesso ao financiamento seja mais facilitado. Que os micro, pequenos e médios empresários cabo-verdianos, em todas as ilhas de Cabo Verde, que já demonstraram que são capazes de fazer mais e melhor nos diversos setores estratégicos da nossa economia, tenham as condições para avançar mais, expandir o negócio.

Cabo Verde precisa de um setor privado nacional forte, ter um setor privado bem gerido, que seja capaz de produzir, de inovar, de exportar, de criar valor, criar empregos e gerar rendimentos para os cidadãos cabo-verdianos.